BRS PIATÃ

Por ter seu crescimento inicial mais lento, o Capim Piatã é uma excelente alternativa para a prática de ILP (Integração-Lavoura-Pecuária). Esta gramínea destaca-se pela elevada taxa de crescimento e disponibilidade de folhas sob pastejo. Somente os associados da Embrapa e Unipasto podem comercializar essa variedade.

DESCRIÇÃO

Nome científico: Brachiaria brizantha cv. BRS Piatã

Família: Gramíneas

Ciclo vegetativo: Perene

Forma de crescimento: Touceira

 

ADAPTAÇÃO

Tipo de solo: Médio/Fértil

Altitude: Até 2.000 m

Precipitação anual: Acima de 800 mm

 

TOLERÂNCIA

Seca: Boa

Frio: Média

Umidade: Média

Cigarrinha: Média

Sombreamento: Boa

 

PRODUÇÃO

Matéria seca ha/ano: 10 – 12 t

Proteína bruta na M. S.: 9 – 12%

Palatabilidade: Boa

UTILIZAÇÃO/MANEJO

Tempo de formação: 90 – 120 dias

Primeiro pastoreio: 90 dias (leve, gado jovem)

Altura do corte: 25 – 30 cm – retirar os animais

Incorporação: Não

RENASEM: SP16254/2017     /     AGROPEC PAULISTA -  CNPJ 27.045.471/0001-72